Depois de elogiar empresa chinesa, Mourão é atacado por bolsonaristas

0

Depois de dizer que o Brasil não teme represália dos Estados Unidos caso escolha o sistema 5G da empresa chinesa Huawei, o vice-presidente Hamilton Mourão voltou a ser alvo de duras críticas dos bolsonaristas.


O blogueiro Allan dos Santos, um dos que estão sendo investigados no inquérito das fake news tocado pelo Supremo Tribunal Federal, escreveu hoje no Twitter: “Quem precisa de um inimigo quando se tem um vice como esse?”.

Outra investigada no mesmo inquérito, a ativista Sara Giromini, conhecida como Sara Winter, se referiu a Mourão com um palavrão. “Querido General Mourão, pega o 5G da China e enfia …, talkey?”, tuitou ela.

Já o deputado bolsonarista Otoni de Paula (PSC-RJ), que até duas semanas atrás era vice-líder do governo na Câmara, foi mais respeitoso. “Com todo apreço e carinho que tenho pelo vice-presidente, a retaliação será nossa, não dos EUA. Parece que o governo não entendeu a dimensão da guerra”, alertou, em suas redes sociais.

Mourão foi bastante atacado nas redes sociais no ano passado por bolsonaristas que o acusavam de aparecer demais na imprensa para ganhar prestígio caso o presidente Jair Bolsonaro fosse alvo de um processo de impeachment. Desde o fim de 2019, porém, o vice-presidente vivia tempos de paz com os ativistas digitais. Com os elogios a Huawei, que para Mourão tem capacidade bem maior que a dos concorrentes, a trégua acabou.

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário!
Please enter your name here