Segundo a gigante da tecnologia, sistemas sensíveis de seu smartphone podem ser afetados pela frequência do som emitida pelos motores


Tudo pronto para dar aquele passeio de moto? Lembrou de pegar o celular? Se for um iPhone, talvez seja melhor deixá-lo em casa. Em um comunicado em seu blog oficial, a Apple alertou que “a exposição a vibrações, como as geradas por motores de motocicleta de alta potência, pode afetar as câmeras do iPhone”.

De maneira mais específica, eles são afetados se ficarem conectados de alguma forma ao guidão ou chassi da moto, por meio de um suporte, por exemplo.

Segundo a marca, a estabilização óptica de imagem (OIS) de suas câmeras e o foco automático de loop fechado são os sistemas específicos que podem ser danificados pelo ruído do motor de uma motocicleta.

O OIS é um pequeno giroscópio na câmera do seu telefone que permite estabilizar a lente mesmo se você sacudir ou mover a câmera ao tirar uma foto. O autofoco de loop fechado, por sua vez, usa um sensor magnético de placa para medir os efeitos de gravidade e vibração e “determinar a posição da lente para que o movimento de compensação possa ser definido com precisão”.

A Apple conclui informando que a exposição direta de longo prazo a vibrações de alta amplitude dentro de certas faixas de frequência pode degradar o desempenho desses sistemas e levar à redução da qualidade de imagem para fotos e vídeos.

“Motores de motocicleta de alta potência ou com motores de grandes cilindradas geram vibrações intensas de alta amplitude, que são transmitidas através do chassi e do guidão. Não é recomendado conectar seu iPhone a motocicletas com motores de alta potência ou alto volume devido à amplitude da vibração em certas faixas de frequência que eles geram”, alerta a fabricante do iPhone

Até mesmo que anda em motos menores como scooter não escapa do risco. A Apple alerta que, nesses casos, é bom usar um suporte com amortecimento.

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário!
Please enter your name here