Agências de segurança utilizam tecnologia para aprimorar atendimento à população

0

Com uma única ligação, o cidadão é atendido de forma integrada e obtém suporte para sua situação de emergência.


Não é difícil imaginar. Muitos já passaram por isso. Você está diante de um acidente de trânsito, depara-se com um incêndio de grandes proporções, ou, de repente, encontra-se em uma situação de risco, como em uma briga, ou invasão domiciliar. O que fazer? Pra qual número ligar? Pra polícia? Militar ou Civil? Bombeiros ou Samu?

Visando reduzir a burocracia em um momento tão delicado e facilitar a cooperação entre as agências de segurança do Estado, o Serpro desenvolveu o Sinesp Central de Atendimento e Despacho (Sinesp-CAD) para o Ministério da Justiça (MJ). A solução foi concebida para atender às necessidades dos centros integrados de comando e controle, tornando possível a integração desses com as diversas instituições públicas que prestam atendimento de emergência à população.

A partir do contato telefônico do cidadão com qualquer número de emergência, o Sinesp-CAD registra o atendimento e direciona para uma ou mais agências, de forma conjunta e adaptada à natureza do incidente em questão. A ferramenta facilita a comunicação entre os órgãos, bem como a cooperação dos demais entes federativos, a fim de garantir apoio ao atendimento, despacho, monitoramento e finalização de incidentes.

Novidades

Um workshop realizado em Brasília, entre os dias 21 e 23 de maio, reuniu operadores da segurança pública de doze estados, visando difundir as novas funcionalidades do Sinesp-CAD, bem como acompanhar o seu processo de implantação e expansão no país. Durante o evento, o Serpro demonstrou as iniciativas de desenvolvimento do CAD 3.0, a futura versão da ferramenta que está em negociação. Entre as novidades já implementadas na atual versão, destaque para melhoria na responsividade do layout; o registro da quilometragem de viaturas; novas possibilidades de consultas para o gestor; redimensionamento da raia onde são apresentados os alertas; e utilização de atualização/notificação via websocket.

“O principal é o ganho de estabilidade e usabilidade com as melhorias apresentadas, além de melhorar o controle e a gestão das equipes e viaturas empenhadas. Com isso, o cidadão será atendido com mais qualidade e de forma mais célere”, destaca Gersumino Madela, consultor do Sinesp-CAD no Serpro. De acordo com o gestor, uma das propostas de melhoria apresentadas pela empresa é o “Agente de Campo”, uma ferramenta mobile para que o agente possa, in loco, atualizar e finalizar a ocorrência, funcionando como uma prévia do Boletim de Ocorrências, auxiliando e padronizando o encerramento do atendimento.

No workshop, o Serpro apresentou quatro palestras: “Webservice do Sinesp-CAD”, com Saulo Weil de Andrade, Gestor de Negócios do Sinesp-CAD; “Cadeia de Certificados no Sinesp-CAD”, com Ronald Carvalho Ribeiro de Araújo; “Configuração de proxy e requisitos/configurações mínimas de rede”, com Fabiano Galvão de Carvalho; e “Força Tarefa Estabilização do Sinesp-CAD”, com Fábio Calaca da Fonseca. A empresa também participou das atividades em quatro grupos de trabalho.

Números

Atualmente o Sinesp-CAD contabiliza mais de 1,4 milhão de chamadas realizadas, desde a sua criação, e já está presente, pela Polícia Rodoviária Federal, em 25 estados e no Distrito Federal (com exceção apenas do Espírito Santo). A solução também já foi adotada por outras instituições que prestam serviços de emergência de nove estados brasileiros (Acre, Amapá, Maranhão, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Roraima e Sergipe).

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário!
Please enter your name here