COM MUDANÇAS, BB ESPERA ATRAIR PELO MENOS 5,5 MILHÕES DE NOVOS CLIENTES DIGITAIS EM 2021

0

Hoje, o BB conta com 22 milhões de clientes digitais.


 

São 10 milhões que usam o Fale.Com, ferramenta digital para falar com sua agência, via aplicativo ou internet banking. O banco também faz 600 mil atendimentos por dia através do Whatsapp.

Com as mudanças anunciadas nesta segunda-feira pelo Banco do Brasil, que incluem o fechamento de 112 agências no primeiro semestre, o banco pretende dobrar a aposta no público digitalizado e espera atrair pelo menos 5,5 milhões de novos clientes com esse perfil em 2021, repetindo o desempenho registrado no ano passado, segundo apurou o Broadcast.

O plano de reorganização prevê ganhos de eficiência e otimização em 870 pontos de atendimento do País, com a desativação de 361 unidades (112 agências, sete escritórios e 242 postos de atendimento), a conversão de 243 agências em postos de atendimento e oito postos de atendimento em agências, transformação de 145 unidades de negócios em Lojas BB, sem guichês de caixa, relocalização compartilhada de 85 unidades de negócios e criação de 28 unidades de negócios (14 agências especializadas agro e 14 escritórios leve digital).

A expectativa do banco é que haja uma melhora significativa do índice de eficiência operacional, que deve fazer frente aos grandes bancos privados e também aos novos entrantes do setor financeiro. “Vão ter que correr atrás”, disse uma fonte ao Broadcast, em referência aos concorrentes. “Será um desafio grande para eles”, afirmou também. Ainda não há, contudo, uma estimativa de avanço do índice de eficiência operacional do BB.

Apesar de estar se planejando para fechar 112 agências, o BB não irá sair de nenhum município onde já atua fisicamente. Em todas as localidades será mantido algum tipo de atuação, seja com outro ponto físico ou um com correspondentes bancários.

Segundo o Banco do Brasil, a quantidade de transações em guichês de caixa no banco caiu 42%, enquanto o uso do mobile praticamente dobrou no mesmo período e já responde por 86% das transações, junto com o internet banking, tendência reforçada pelo isolamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus.

Os 14 escritórios leves digitais se somam aos dois já existentes em Bauru (SP) e Recife (PE). O funcionamento do projeto piloto nesses locais propiciou a ampliação do atendimento gerenciado a quase 200 mil clientes, diz o banco em nota.

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário!
Please enter your name here