O Google removeu recentemente nove aplicativos da Play Store que estavam roubando senhas de usuários do Facebook.


 

O relatório dos apps com a denúncia foi enviado pelo site Dr. Web Antivírus, que identificou o uso de softwares em apps inofensivos e alertou a empresa, que baniu os programas.

O segmento dos apps eram variados e entre a relação tinham editores de fotos, limpadores de cache – usados para otimizar o funcionamento do celular – e apps de astrologia, com análise diária de signos. Juntos, os softwares foram baixados quase 6 milhões de vezes e apresentavam uma página para login no Facebook, forma como os hackers roubavam login e senhas.

“Os aplicativos eram totalmente funcionais, o que deveria enfraquecer a vigilância de vítimas em potencial. Com isso, para acessar todas as funções dos aplicativos e, supostamente, para desabilitar os anúncios no aplicativo, os usuários eram solicitados a fazer login em suas contas do Facebook. Os anúncios dentro de alguns dos aplicativos estavam realmente presentes e essa manobra tinha o objetivo de encorajar ainda mais os proprietários de dispositivos Android a realizar as ações necessárias”, diz um trecho do relatório do site Dr. Web.

Segundo o site especialista, “a forma era genuína” e sem indícios de golpe, o que facilitava a aplicação dos mesmos cavalos de troia nos celulares Android que baixavam os programas. A página ainda faz uma recomendação a todos que costumam baixar muitos aplicativos através das lojas de apps.

“Doctor Web recomenda que os proprietários de dispositivos Android instalem aplicativos apenas de desenvolvedores conhecidos e confiáveis, bem como prestem atenção às análises de outros usuários. As análises não podem fornecer uma garantia absoluta de que os aplicativos são inofensivos, mas ainda podem alertá-lo sobre ameaças potenciais. Você também deve prestar atenção quando e quais aplicativos solicitam que você faça login em sua conta. Se você não tiver certeza de que o que está fazendo é seguro, seria melhor não prosseguir e desinstalar o programa suspeito”, orientou o site.

De acordo com o tabloide Ars Technica, um porta-voz do Google disse que a empresa também baniu, além dos programas, os desenvolvedores de todos os nove aplicativos, o que significa que eles não terão permissão para enviar novos apps.

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário!
Please enter your name here